PCC é uma “empresa” organizada.

Como se fosse uma empresa, o Primeiro Comando da Capital (PCC) não tem apenas “contrato social” – a sua constituição criminosa com 16 artigos – que dita as regras para seus “empregados” dentro e fora dos presídios. A facção também elabora relatórios disciplinares. Neles são registradas as punições, ou seja, “suspensões do serviço” e as exclusões, espécie de “demissões por justa causa”, de seus integrantes ou “irmãos” (chamados de “I” nos textos dos relatórios). Todos os casos são julgados por um “conselho”. E a decisão é tomada seguindo a vontade da maioria dos votos.

O Jornal da Tarde teve acesso a dois relatórios disciplinares do PCC. São como atas internas. Uma delas trata da punição imposta a um preso e outra registra a expulsão de um detento dos quadros do “partido do crime”, como a facção é chamada por seus adeptos.

Livro de anotações
Os documentos foram apreendidos no mês passado numa cela do Centro de Detenção Provisória 2 (CDP) do Belém, na Zona Leste, durante blitz realizada por agentes penitenciários. Os funcionários responsáveis pelas apreensões ficaram surpresos com o grau de organização da facção criminosa. Todas as decisões tomadas pelos criminosos do PCC, principalmente nas cadeias, são anotadas, como em um livro de registros.

A primeira ata relata a exclusão do preso Edmilson Francisco Guimarães dos Santos, o Toco, matrícula 360.734, recolhido no raio (ala) IV do CDP 2 do Belém (leia ao lado).

No relatório consta que Toco usou o dinheiro do PCC em benefício próprio. O detento foi acusado de desviar R$ 520 provenientes da venda de cocaína, também chamada pelo PCC de “novo progresso” ou “purinha”. Em vez de entregar aos “disciplinas” (chefes) os R$ 900 obtidos com a comercialização da droga, Toco apresentou só R$ 380.

Ainda de acordo com o relatório, o detento mentiu ao afirmar que sua mulher havia ficado com o dinheiro. Um dos “disciplinas”, com uso do telefone celular, ligou para a “cunhada” – como são chamadas as mulheres dos “irmãos”, no caso a mulher de Toco, e descobriu a farsa. Ela negou a versão do marido.

Toco foi julgado pelos “disciplinas” Pequeno, Magrelo e Rachid. No interrogatório, o preso teve o direito de se defender. Mas acabou excluído por unanimidade de votos. Os motivos alegados foram falta de responsabilidade com os assuntos da “família”, falta de transparência e mentira. A exclusão aconteceu em 23 de maio deste ano.

Outro relatório, com data de 18 de março deste ano, trata da suspensão (“gancho”) de 90 dias do preso conhecido como Borogue, do CDP 2 de Osasco, na Grande São Paulo. Consta na ata que Borogue agrediu o detento Pilas porque este último, num dia de visita, beijou a irmã de um preso recém-chegado.

O beijo em visitas alheias é proibido na cadeia, considerado falta de respeito. Por causa da agressão, Borogue foi punido. O “gancho” terminou no último dia 18.

Fonte: Jornal da Tarde

Assuntos Relacionados:
Veja aqui os resultados da teimosia do Dr. Geraldo Alckmin!
Bandido bom é bandido morto?
Previna assaltos! Descubra na web os locais mais perigosos do Brasil.
Ex-vizinha de família Nardoni depõe e pede saída de casal
de audiência
baner_in.gif

4 Responses to PCC é uma “empresa” organizada.

  1. O crime é mesmo organizado. O Estado é que não é.

  2. Murilo Pintombe Souza disse:

    Esse negócio de PCC já encheu o saco, é preciso acabar de uma vez com esse negócio.
    Eles não organizados coisa nenhumam, são mesmo é criminosos e tem que ser tratados como criminosos. Portanto porrada na cara desses caras. Chega de ficar mimando esses bandidinhos de merda.
    Aproveitando, também existem membros do PCC que são gays.

  3. Juliano disse:

    primeiro>e dai que existe membros do PCC que são gays, agora bandido tem quer ser macho.
    Segundo>se eles nao fossem organizados se nao acha que ja teria acabado isso?quem ano e organizado e essa merda de brasil!ate ladrão e mais organizados que esse politicos que vc pode chamar de ladrão se quiser tambem.

  4. andré disse:

    Essea porras de pcc,são tudo lagartos.Os pilotos ficam com o dinheiro e eles com os problemas.
    ainda bem que a policia civil é corrupta.graça a eles existe esta tal facçao pcc .cada baianinho feio se acha bandidão gangter…bela bosta os bam bam bam nem aparecem…eses tyal de irmão são tudo cuzão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: